Sofia Ribeiro garante manutenção do POSEI

A Eurodeputada Sofia Ribeiro defendeu esta quarta-feira, 15 de novembro, a manutenção do POSEI, numa reunião com o Comissário da Agricultura e Desenvolvimento Rural, Phil Hogan. O encontro decorreu no âmbito da reunião do Grupo de Agricultura do Partido Popular Europeu (PPE), o maior grupo político no Parlamento Europeu, em Estrasburgo.

Durante o encontro, Sofia Ribeiro, na qualidade de relatora do Parlamento Europeu para a posição da sua Comissão da Agricultura sobre o próximo Quadro Financeiro Plurianual, exigiu a Phil Hogan que “ especial atenção às regiões mais desfavorecidas, com maiores custos de transportes, maiores riscos de intempéries e fatores de produção acrescidos, como é o caso das Regiões Ultraperiféricas, garantindo a manutenção e o reforço do POSEI”. Em resposta à Eurodeputada Açoriana, Phil Hogan garantiu que não porá em causa o POSEI, afiançando saber que “estaria em dificuldades entre os Açorianos se tal acontecesse”, numa clara referência à capacidade reivindicativa e de exigência da Eurodeputada do PSD/Açores.

A Social-democrata afirmou ainda que “é necessário rejeitar que o Brexit possa causar uma diminuição no orçamento da Agricultura e muito menos no POSEI”. A opinião foi partilhada pelo Comissário que se mostrou preocupado com a decisão que venha a ser tomada pelo Conselho, uma vez que a saída do Reino Unido da União Europeia vai causar uma pressão orçamental adicional à Agricultura, que os Estados-Membros podem não querer compensar.

Sofia Ribeiro aproveitou ainda para rejeitar regimes de cofinanciamento dos pagamentos diretos aos agricultores que gerariam maiores clivagens entre os países mais e menos desenvolvidos e adiantou ser necessário criar um quadro regulamentar na cadeia de distribuição agroalimentar e para o combate às práticas comerciais desleais, que deve também ter a dotação financeira necessária.

A concluir a sua intervenção Sofia Ribeiro afirmou que "fechamos hoje a reivindicação da continuidade do POSEI, que me foi garantida pelo Comissário responsável. A partir de agora, a luta passará pelo aumento do seu envelope", tendo ainda requerido ao Comissário que desenvolva mecanismos de renovação geracional na agricultura. “Necessitamos criar condições para que os agricultores mais velhos se sintam incentivados a ceder o seu lugar aos mais jovens, garantindo a modernização e rejuvenescimento do setor agrícola, sempre numa lógica de aproveitamento e transmissão do seu conhecimento, do seu saber-fazer, que é tão importante transmitir às novas gerações”, finalizou Sofia Ribeiro.