Sofia Ribeiro defende valores identitários da União Europeia

A Eurodeputada Sofia Ribeiro defendeu a necessidade de “renovar a Europa”, esta quinta-feira, 18 de outubro. A deputada ao Parlamento Europeu foi moderadora do debate “Repensar a Europa”, no XXI Encontro do Grupo de Diálogo Intercultural com as Igrejas e Instituições Religiosas, desenvolvido pelo Partido Popular Europeu, em Mafra.

Face aos inúmeros desafios com que nos deparamos e que perspetivamos”, iniciou a Eurodeputada, “mais do que nunca é verdade que temos de repensar a Europa”. “Numa Europa em crise de valores, em que cresce o euroceticismo, o populismo e o protecionismo, é imprescindível nutrir e colocar em prática os fundamentos da UE, não podendo a ação política ser desprovida de tais valores”, frisou.

Sofia Ribeiro afirmou que a renovação necessária deve ser feita “num compromisso conjunto que envolva todos os cidadãos de todas as etnias, credos e religiões, tendo como pano de fundo a tolerância e o respeito pelos fundamentos da UE”. “O Projeto Europeu não pode esgotar-se nas instituições europeias”, acrescentou.

 A Social-democrata recordou que, esta semana, o Eurobarómetro apresentou a opinião de 27 mil europeus dos 28 Estados Membros sobre o Parlamento Europeu e a UE “e os resultados não são mais do que um sinal de alerta antes das eleições de 2019”. “O combate ao terrorismo, a imigração e o desemprego jovem são questões a que temos de obrigatoriamente dar resposta, se é nossa intenção fortalecer o sentido de pertença ao nosso projeto europeu”, finalizou Sofia Ribeiro.

O encontro tem como título genérico “Que Europa queremos?” e reúne líderes de várias confissões religiosas, no Patriarcado de Lisboa, em Mafra, entre os dias 18 e 19 de outubro.