Deputados do PSD eleitos para as coordenações do Grupo PPE nas Comissões dos Orçamentos, Assuntos Económicos e Monetários, e Indústria, Investigação e Energia

A delegação portuguesa do PSD inicia o mandato assumindo lugares de destaque nas coordenações do Grupo PPE para 3 Comissões Parlamentares estratégicas.

Lídia Pereira, José Manuel Fernandes e Maria da Graça Carvalho foram eleitos para seguintes cargos.

José Manuel Fernandes - Coordenador do PPE para a Comissão dos Orçamentos

Lídia Pereira - Vice-coordenadora do PPE na Comissão dos Assuntos Económicos e Monetários

Maria da Graça Carvalho - Vice-coordenadora do PPE na Comissão da Indústria, Investigação e Energia

O chefe da delegação portuguesa do PSD e Vice-Presidente do Grupo PPE, Paulo Rangel, afirma: “Trata-se de cargos fulcrais para o peso politico de Portugal no grupo parlamentar do PPE. Alem de serem absolutamente estratégicas as comissões que Lídia Pereira, José Manuel Fernandes e Maria da Graça Carvalho vão coordenar, a sua eleição representa um voto de confiança dos pares na sua competência e capacidade politica.”

José Manuel Fernandes destaca: "Continuarei a dar o máximo e a cumprir. Neste mandato, assumo os compromissos que a lista do PSD apresenta aos portugueses: o reforço da convergência e da coesão, o apoio às PME, a melhoria dos empregos e dos salários, bem como a promoção da natalidade e um “master plan” para o combate ao cancro.”

Lídia Pereira considera: “A minha geração quer ter uma voz na construção do futuro da Europa. Esse futuro passa, em grande medida, por uma economia mais competitiva, mais adaptada aos desafios da digitalização e mais amiga do ambiente. Foi este compromisso que levou os meus colegas do PPE a escolherem-me para Vice-Coordenadora na Comissão ECON. Vim para o Parlamento para fazer diferente e isso começou logo nos primeiros dias deste mandato.”

Maria da Graça Carvalho sublinha: “Estou orgulhosa da confiança dos meus colegas. Esta eleição implica a responsabilidade de coordenar uma área muito importante para a Europa, que cobre a Indústria, as Pequenas e Médias Empresas, a Energia - com implicações nas alterações climáticas -, a Ciência e Inovação, a Sociedade de Informação e a Inteligência Artificial.”